Maysa e Eu

By Nah
" Eu aprendí a cair e me levantar ..."

...Além de uma das melhores vozes da MPB, Maysa também foi uma mulher singular, que viveu sob o signo da transgressão e da ruptura. Enfrentou preconceitos, rompeu tabus, desafiou convenções. A canção "Resposta", de sua autoria, seria talvez a melhor trilha sonora para sua própria existência:
"Só digo o que penso/ Só faço o que gosto/ E aquilo que creio".
Me identifico com sua acidez, embora eu não seja tão sincera como ela. Antes de começar a passar "Maysa, quando fala o coração", meu namorado já havia comentado que pela vinheta, parecia que estavam falando de mim. No primeiro capítulo, já quando ela "teima" com pais que está bem e vai viajar cansada, meu pai falou : "Parece alguém que eu conheço!"
Engraçado!
Eu não bebo tanto quanto ela, fumo bem menos, não tive tantos amores, mas a personalidade forte e as respostas na ponta da lingua são traços incomuns entre eu e Maysa!
No entanto, uma frase de ontem realmente me fez ADORAR o jeito dela:
" Lobinho, Lobinho ... se você não me come, eu te como!"
Criticada, aplaudida ...
Parece alguém que eu conheço !
 

2 comments so far.

  1. thiago-san 9 de janeiro de 2009 11:57
    com certeza!
    NATAYSA!
    qndo CHORA o coracao!

    chorona briguenta bocuda que eu amo por demais!@!!!!!
  2. Groo 10 de janeiro de 2009 15:12
    Estou acompanhando, à medida do possível, a série.

    É bem interessante,principalmente o contexto histórico.

    Vez em quando a Globo acerta...heheheh!

    abs!

Something to say?